segunda-feira, 25 de julho de 2011

1º Salão Nacional de Arte Fotográfica de São Caetano do Sul










Fiquei muito feliz e surpresa com a notícia de que uma de minhas fotos tinha sido selecionada pelos amigos do Foto Clube de Londrina para o 1º Salão Nacional de Arte Fotográfica de São Caetano do Sul. No vídeo estão todas as fotografias selecionadas e premiadas que fazem parte da Exposição.

Ainda pensando sobre a intencionalidade do fotógrafo, muitas vezes ele nem imagina que as pessoas vão se interessar por determinada fotografia. É o caso desta. Reflexiva foi tirada em Bordeaux em 2008, enquanto eu procurava trabalho. Passava pela praça Victoire, uma das mais importantes e a mais movimentada da cidade. A rua retratada, na verdade, é uma viela que termina no largo. Enquanto caminhava vi um homem, morador de rua, que defecava bem próximo do espelho. Ele estava sem calças, agachado de costas para a rua. Eram oito horas da manhã, os passantes começavam a aumentar, pois os trens saem de uma estação na praça.

Algumas pessoas passavam por ele, ignorando-o por completo. Eu fiquei ali, olhando aquela cena, imaginando as razões sociais e econômicas que teriam levado o homem àquela terrível situação. Tinha comigo minha máquina fotográfica. Não me lembro mais se cogitei fotografá-lo com escarnio, poesia ou para um registro antropológico urbano. O fato é que cogitei fazê-lo, confesso. Felizmente não o fiz. Por respeito ou falta de coragem. O homem já tinha seus dilemas fisiológicos para se preocupar, eu não deveria ser mais um problema. Acabei ficando mais alguns minutos por ali. Foi quando vi a moça passar com a bicicleta. Com a ânsia de fotografar contida forçosamente minutos antes (e todo voyeur ou fotógrafo sabe do que estou falando), não tive dúvidas. Saquei a câmera da mochila e dei dois disparos. Apenas um foi aproveitado. Apaguei o outro em seguida.

Meses atrás mostrei timidamente a foto ao colega e professor Rui Cabral, que me aconselhou a levá-la ao concurso realizado no Foto Clube de Londrina. E para meu espanto, os veteranos gostaram. A foto ficou em segundo lugar na categoria inciantes. Hoje soube pelo também fotógrafo Norman Neumaier da participação no 1º Salão Nacional de Arte Fotográfica. Fico feliz pela menção honrosa e mais feliz ainda por rever e rememorar esse dia, apesar do sofrimento daquele homem.

Valeu!







Nenhum comentário: